sexta-feira, 11 de maio de 2012

Fase dificil, Possível separação, e a Escolha !

Publicada por Futura mãmã
Bom dia !
Então este blog foi iniciado quando engravidei do Diego e andava a viajar aqui por informações, histórias e tudo haver com mães e bebes.
Não foi feito para escrever sobre minha vida pessoal, apesar de por vezes ser inevitável desabafar e querer opiniões, comentários, palavras de outras pessoas, outras experiências, conselhos, por aí... 
Neste momento estou a passar uma fase muito complicada na minha vida, ontem aconteceu algo que eu não esperava, não foi bem comigo mas foi entre sogra e genro. E eu agora estou entre a espada e a parede. Ele saiu de casa e eu ou vou com ele ou acaba toda a relação complicadaporsinal que temos rs.
Apesar de ter um filho, de as coisas serem bem dificies por vezes entre mim e ele, ele não com o filho mas com o pai, eu queria que desse certo, andava aguentar e a tentar e tentar, e aguentar, enfim, queria mudá-lo um bocadinho do vicio que ele tem, por isso e que estamos "maior parte dos dias", mal, chateados, aborrecidos, ele nem por isso, mas eu sim.. Mas apesar de tudo eu apenas queria ser feliz, queria amar e ser amada, queria dar uma família saudável ao meu filho ... Então e agora? Não queria fazer esta escolha por sinal bem difícil... Pois, não tenho segurança para sair daqui do meu cantinho junto dos meus pais, não tenho segurança que vou ser feliz, que ele vai mudar e as coisas se vão tornar melhores!!! Estava disposta a tentar, estava e estou, atenção. Mas também me custa ir e depois não dar e eu ter que voltar. Pois eu estou cansada de há quase dois meses, que o Diego nasceu e muita coisa mudou, ele nunca sai connosco, nunca está connosco, enfim, está sempre fora por aí no café affz, pior vicio dele, tudo por ele fazer essa vida que eu não gosto, detesto. 
Não fui criada desse jeito... Mas não interessa entrar em pormenores!!!
Afinal é quem eu amo, pai do meu bebe. E agora ??? Será que vale a pena tentar para ver se as coisas mudam e começam a correr melhor??? Ou será que vai ser igual ??
Sei que a escolha é somente minha, mas quero fazer as coisas da melhor maneira... Por isso estou a espera que meu pai vá almoçar para ver se consigo falar com ele, para ele aconselhar, sei que vai sofrer... Mas de qualquer forma seja agora ou mais tarde um dia eu terei que voar, mesmo sendo imensamente difícil para ele aceitar e viver essa "separação" da filha do cantinho do pai. Ainda mais agora com o Neto. 
Mas eu tenho fé e acredito que as coisas iriam mudar, começariam a correr melhor e voltariam a correr como antes e conseguirmos ser felizes por uns bons anos. Sera' que sim? Talvez. 
Affz minha cabeça está uma confusão, uma tristeza, uma dor, uma noite mal dormida ! Só espero fazer a melhor escolha para mim e para meu pequenino !!!

Te Amo Filho <3 Mamãe fará de tudo para seres felizzzzzz, para estares e te sentires bem no teu crescimento e na tua vida... Amo-teeee eternamente meu pequenino.

59 comentários:

Carol Meoli disse...

Bom, amiga... que situação chata, hein?
Acho que na vida temos que correr riscos, nos arriscar mesmo. Só assim saberemos se dará certo!!!

Beijos nos dois

Andrea Fregnani disse...

Bom dia, Miriam, que momento difícil, espero que Deus ilumine seus pensamentos para que sua escolha seja a melhor para você e seu filho, peça razão a Deus, num hora assim é o que precisamos para enxergar e decidir da melhor maneira possível,
bjs

✿ chica disse...

É difícil te falar qualquer coisa. Pena pela situação, mas só TU poderás avaliar o que estás passando e consultar teu oração ... Uma pena mesmo!!Fico torcendo para que tua resolução seja a melhor! beijos,chica

sandra disse...

Se tu o amas acho que vais ter de ir com ele mesmo que não dê certo e tenhas que voltar para casa dos teus pais assim ficas com a consciencia tranquila que tentas-te,apesar de teres de pensar que tens de dar uma establidade ao teu filho que ele não pode ter atitudes dessas nem vicios desses têm uma vida dependente de vocês são uma familia,mas acho um bocadinho dificil mudar mas espero que sim para seres feliz não podes é ficar arrependida por não tentares mas olha pensa se ele também luta para melhorar a vossa vida não depende só de ti
bjinhos

Maria Pereira disse...

Não é nada fácil a tua situação. Costuma-se dizer "quem casa quer casa" (nesta caso quem se junta...) pois não é fácil viver com os sogros ou com outro familiares. A privacidade é sp mais limitada e nem sp os começos de vida dão certo dessa forma. Os filhotes tem de voar para fora do ninho e quem não arrisca não petisca, mas vais ser mesmo tu a decidir. Seja qual for a decisão faço votos que tudo corra pelo melhor

Beijocas grandes para ti e para o teu menino lindo

Mamã Petra disse...

Pensa bem Miriam pesa todos os prós e contras, se vais ter condições para o teu filho e para ti, se vais conseguir manter o mesmo nivel de vida, e depois tens de ver o outro lado se realmente é isso que queres, se é isso que ele quer, se ele quer mudar por vocês, sabes Miriam eu vivi 12 anos a tentar mudar alguem, que me prometia o mundo e na hora seguinte saia porta fora, pensa muito bem em tudo com o coração, mas também com a cabeça. Beijinhos grandes

Susana disse...

É uma situação complicada a tua e é um drama dificil de optar pois não sabemos o dia de amanhã e como as coisas irão correr. Começar uma vida a 2 na casa dos pais de um dos 2 também poucas vezes resulta, a não ser que exista privacidade suficiente para tamanha familia e espaço para cada um se recolher e fazer as suas coisas. No meio de isto tudo a tua grande incógnita é saber que indo com ele se as coisas irão correr pelo melhor, secalhar ele vai para cafés talvez por não se sentir em casa (penso eu). Uma conversa franca entre voçês 2 irá designar o futuro. porque com uma família formada (voçês 2 mais o Dieguinho) os hábitos antes de ele nascer não podem nem conseguem ser os mesmos agora, existem outras responsabilidade e partilhas de tarefas que têm que ser feitas.
Se não tentares não irás saber o que te espera, mas acredito se tudo correr menos bem entre voçês 2 os seus pais estarão de braços abertos para te receber.
Beijinhos e muita calma nessa hora ;o)

Jackie Graça disse...

Amiga é uma situação bem dificil a sua, mas nesse momento a sua prioridade é seu filho, pensa em qual escolha vai afestar menos ele, se você sair daí vai ter quem te ajude com ele? vai dar um lar confortavel a ele? como vai ficar a vidinha dele? Na verdade acho que é isso que você tem que passar ao pai do seu filho, a sua insegurança, e nessa fase insegurança não cabe mais, você tem um bebê e não pode sair por aí se aventurando, tem que ser seguro sair assim como ficar.

Sabe a maioria dos relacionamentos balançam depois da chegada de um filho, acrdite, a maioria passa isso e muitas fingem viver a vida perfeita, mas não é assim. Eu passei por diversas discussões e olha que meu marido é um super pai, mas ainda assim tenho que lembrá-lo que nunca escolho nada que não seja o melhor pro Davi, seja uma viagem em horário impropio, seja fazer uma compra que faça com que não possamos comprar alçgo pro Davi e por aí vai ...

Bjussssssssss e não esqueça que o que mata o relacionamento é a falta de conversa, então converse, exponha tudo que pensa e sente.

Camila Gomes disse...

Nossa amiga, que situação dificil. Me coloco no seu lugar, também tive que sair de casa para que a minha relação desse certo! Foi muito dificil! Mas você escreveu um coisa que eu acredito muito "temos que tentar" porque melhor nos arrepender de uma coisa que tentamos, do que uma coisa que não fizemos.
Que Deus conforte e ilumine seu coração, para que faça a melhor escolha!
Beijos
Estamos aqui viu??

sakura disse...

poças miriam!complicado!mas olha eu cà acho que quem se junta ou casa deve ter a sua privacidade e às vezes a falta dela tambèm não ajuda em certas situações.ele não irà para o cafè por se sentir mal là em casa,sabendo que não è o vosso cantinho!?sei là,eu quando vou a portugal de fèrias,o sèrgio nunca pàra muito em casa,porque ficamos na minha mãe,e ele não se sente muito à vontade!pode ser isso,conversa sèrio com ele,explica tudo que sentes e ve o lado dele,se se amam,vão arranjar uma solução!boa sorte nessa nova vida a 3 de preferencia!!
bjnhs

Mirian Franco disse...

Amiga que dilema está vivendo no momento... Mas olha, só você pode fazer essa escolha, e faça o que achar que vai te fazer Feliz e a seu pequenino. Antes de qualquer coisa, coverse muito com ele, exponha seus medos e preocupações e veja o que ele quer fazer pra mudar por vcs e serem felizes juntos!!!
Espero que tudo fique do melhor jeito pra vcs. E peça a Deus discernimento para tomara decisão mais acertada...
Bjo e fique bem.
Mirian e Lara

Aline disse...

menina,entendo esse embaraço,mas respira fund,converce com ambos,tanto com seu pai e com seu marido,tente expor teus medos,e tua vontade de seguir tua vida,fale com papis do diego,expondo seu receio,com o jeito dele,imaturo,pois agora ele é PAI,tem de estar mais presente,os filhos são nossos reflexos,que você quer dar um crédito a ele,à vcs,pra construir uma familia feliz..

Pro seus pais,explique q vc quer tentar,q é dolorida essa separação,mas q um dia iria acontecer,e vcs estaram sempre pertinho,sempre presente,ninguém vai mudar de pais..rsrs

É o rumo natural da vida!

Sabe q morar junto com os pais depois de ter familia formada é briga na certa..por vezes,a relação entre genrs,noras,filhos e pais,se tornam mais saudáveis sendo cada um em seu canto.

Quando tem muita opinião,intromissão,não dá certo mesmo..

Talvez por serem teus pais,vc dá passagem a certas coisas,q seu marido não curte,e ai o motivo das divergências..

Mas siga seu coração..a casa de nossos pais sempre será a nossa casa,talvez vc dando um crédito a seu marido,mas tarde ele não poderá te julgar q vc nunca lhe deu chances..

Sorte e força.

Beijos.

Bibi disse...

Querida Miriam, é mesmo muito difícil voar com as próprias asas.
Mas se não for agora, um dia vai ser. E você precisa saber se será com o pai do seu filho ou não.
Acho que conversando com seus pais, explicando a situação e eles sabendo que pode ou não dar certo, eles poderão te acolher novamente. Nada é 100%. Mesmo um casamento sólido pode acabar. Há riscos sempre. Talvez você queira viver essa experiência, mas está sem coragem. Seus pais estão aí pra sempre, pra te apoiar.. mas o pai do Diego ficará esperando, ou essa é a hora de vocês!
Só você poderá responder a essas perguntas. Nunca deixe que o medo interfira. Pense em você, no seu filho e nos seus sentimentos. E se vale a pena! E tudo se ajeitará. O tempo é nosso melhor amigo nessas horas.
Beijos querida e fique bem!

Minha Filha Minha Vida disse...

Queria poder te ajudar ... juro que eu queria mas só o que eu tenho são as minhas experiencias e já estive dos 2 lados (já tive alguem que eu fiz mundos e não valeu para nada e quando me dei conta tinha perdido todos a minha volta) e tive alguem que esteve comigo o tempo todo e eu tb sai de casa depois de uma briga e hoje 8 anos depois eu vejo que foi de uma maneira ruim que aconteceu masss foi uma coisa boa !!!

boa sorte e que seus dias sejam mais calmos por ai ....

beijos e precisando é só chamar !

Cris Bomfim disse...

Escolha dificil e impossível de analisar, agora, o resultado.
O que posso te dizer é que escolha o que vai fazer Você feliz, porque o seu filho sente o que Você está sentindo, então se estiver bem, certamente ele também estará.
Boa sorte.
Bjs pros dois.

Kariny disse...

Oi amiga! Essas situações são complicadas mesmo, mas se posso dar minha humilde opinião, lute por sua família! Deus tem um plano na vida de cada casal, cada família que Ele projeta. Sim, nós somos projetos do Senhor! Você, seu esposo, o filhinho, são sonhos de Deus! Passei muitos momentos difíceis no meu casamento, problemas entre família, problemas entre o casal, meu marido não foi bom durante minha gravidez e eu achei que quando a Kamila nascesse tudo ia mudar. Mas não mudou! Não sei qual o vicio do seu marido, mas o meu era viciado em DROGAS. Eu também tinha muitos erros, também fui envolvida com essas coisas, mas depois que a Kamila nasceu eu mudei muito, mas meu marido não... Muitas vezes pensei em desistir, chegamos a nos separar, mas vimos que não era isso que a gente queria, pois apesar de todos os problemas, nos amávamos! E a decisão que tomei foi.. BUSCAR AO SENHOR JESUS! Busquei amiga, fui a Igreja, comecei a ler a Bíblia, orar, enfim, entreguei minha família ao Senhor! E hoje posso dizer que se estamos juntos, é milagre de Deus! Deus restaurou nossa vida, nosso casamento, restaurou meu marido! Olha, a gente pode tentar, mas não conseguimos mudar ninguém, só DEUS pode fazer isso! E Ele transformou o meu marido. Hoje ele é um homem liberto de todos os vícios, é um marido carinhoso, paciente, amoroso, romantico, e um pai excelente, dedicado, presente! Lute por sua família, se apegue mais e mais ao Senhor Jesus e creia que Ele há de fazer um milagre na tua vida! Quando tiver um tempo, leia meu testemunho no blog, beijos!

Em busca do sonho disse...

Ai Miriam que situação!! Muito dificil a escolha, mas se calhar nem precisas de fazer a escolha. Não há forma da tua mãe se entender com o namorido? O melhor seria todos conversarem e se entenderem. Têm de pensar que o Diego está no meio e ele sim é a vossa prioridade. Portanto o que tu decidires, pensa acima de tudo no que será melhor para o pequenito e para ti claro, que também mereces ser feliz.

Se precisares de alguma coisa estou à distância de um clique.

bjinhos e muita força

Ana Claudia disse...

Querida...que difícil mesmo!
Tente ficar calma e pense no melhor para você e seu filho...uma coisa é certa, você precisa estar bem para cuidar do seu bebê da melhor maneira...confie...as coisas melhoram!!!

Boa sorte!
bj

C@ty disse...

obrigada flor
que decisão a tomar em! bjo

Anne kelly disse...

Miriam essa decisão é mto difícil mesmo hein, sei bem como é, só lembre-se de uma coisa, não conseguimos mudar ninguém, só nós mesmos, os outros é que tem que ter vontade e querer mudar, e o único amor eterno, é esse que sentimos por nossos filhos e pais, Deus te abençoe...

Anónimo disse...

Converse! Tenha uma conversa definitiva com teu marido e teus pais! Ouça tbm teu coração! Achei vc bem adulta apesar dos 19 aninhos(como minha filha) e falo como mãe: Se vc mesmo sabe q ele ta diferente,q vc anda tentan do mudar(so vc tenta,ele nao??) será q indo com ele,vai ser diferente?? Pense no filho. Acho q deveria ficar com teus pais e dar um tempo.Se for pra vcs ficarem juntos,ele vaio entender tbm.Se o amor for grande,uns 2,3 meses será suficiente pra ele ter saudade e esperar.Ele prevcisa refeletir q vc quer mudanças e ele parece ser bem jovem tbm e tem manias(vicios) q vc nao suporta. Meso amando ele,vc precisa decifrar se eel tbm te ama ou se esta dando sinais q quer ir embora(falo isto sempre pra minha filha)

Enfim,q seja resolvido da melhor maneira.

Saúde e paaz pro teu filhote e feliz dia das maes!!!!

com carinho

Ro

Leny Alves disse...

Realmente é uma situação difícil,mas sei que Deus vai te ajudar a tomar a melhor decisão possível,somente Ele conhece perfeitamente cada detalhe.Que tudo possa se ajeitar e essa escolha nem precise ser feita...
É bom lembrar que há sempre uma chance pro amor!E Deus é a solução pra tudo!

Ficaem paz,que tudo se resolva em breve!

Sandrass disse...

Mas que fase tão complicada, imagino que não está nada fácil para ti.

No inicio do nosso casamento estivemos quase a separar pelo mesmo motivo que vocês, o vicio do café grrrrr
O eu marido gostava de ir ao café sozinho no fim do jantar durante a semana pois todos os amigos eram solteiros e estavam sempre no café a noite.
Farta-mo-nos de discutir até que um dia numa conversa eu lhe disse que ou ele mudava ou o casamento acabava mesmo, fiz-lhe ver que não tinha casado para ficar sozinha em casa!
Que se era para estar sozinha que então ficaria sozinha de uma vez por todas!!!

Quanto a saíres de casa, bem eu sou sempre a favor que um casal deve viver sozinho e formar a sua própria família sem ter os pais de um ou de outro no meio.
Para mim os pais acabam sempre por meter-se no meio e causar confusão, por mais bem intencionados que sejam...

Por exemplo: desde que casamos vamos passar férias com os meus pais, são apenas 7 dias e acredita que nesse espaço de tempo é raro os anos em que nós não nos zangamos. Quando passamos ferias só os dois nunca nos zangamos.

Se vires que tens condições para viverem só vocês dois e o Diego, não hesites!

Eu sempre digo: mais vale arrepender de uma coisa que fizemos do que arrepender de algo que não tivermos coragem de fazer!

Espero que tudo se resolva pelo melhor!!!

Bjs grandes ;)

Dayana disse...

Querida, vale a pena tentar, a familia vem em primeiro sempre... E depois que casamos nossa familia passa a ser o marido e o filho... Se vc nao tentar nunca vai saber o que poderia ser...

Ah tem um selinho pra vc no meu blog..bjuss

http://universodobebe.blogspot.com.br/2012/05/eba-selinho.html

☼Girassol☼ disse...

Miriam, casamento não é fácil. Acho que uma das soluções para os milhares de problemas que surgiram entre vocÊs foi o fato de vocÊs não terem o cantinho de vocÊs. Vcs não tiveram a oportunidade de aproveitar a vida a dois. Eu morei com a minha sogra durante 3 meses e isso afetou muito meu casamento por falta de privacidade, as vezes eu queria ficar sozinha com meu esposo e os pais dele sempre estavam "ali" presente.
Você não deve ter medo de tentar, de errar. Você sempre terá um lugar para aonde voltar se não der certo, mas não deves encarar as coisas como perdidas se nem mesmo ainda tentou.
Mas não faça por causa do teu filho ou do teu namorido, faz pela tua felicidade.
O caminho da conversa também é importante. Façam metas juntos e pense que é a sua felicidade que está em jogo.
Beijos e vou estar torcendo aqui pela sua felicidade!

Evanir disse...

Ser mãe faz você esquecer a maldade, faz você renovar as esperanças,
faz você dar o melhor em tudo, afinal agora é você quem tem que cuidar de alguém.
Ser mãe faz você esquecer de si, e pensar só no filho.Ser mãe é ser leoa.
Ser mãe é ser fada encantada que agora vai contar mil história e cantar mil músicas infantis.
Ser mãe é ser educadora, é dispensar o fútil e pensar somente no futuro.
Ser mãe é um presente de Deus.
Um feliz final de semana.
Um abençoado dia das mães.
Beijos e meu eterno carinho.
Evanir..
Tem um presente na postagem do blog
ofereço com muito carinho.

Evanir disse...

Ser mãe faz você esquecer a maldade, faz você renovar as esperanças,
faz você dar o melhor em tudo, afinal agora é você quem tem que cuidar de alguém.
Ser mãe faz você esquecer de si, e pensar só no filho.Ser mãe é ser leoa.
Ser mãe é ser fada encantada que agora vai contar mil história e cantar mil músicas infantis.
Ser mãe é ser educadora, é dispensar o fútil e pensar somente no futuro.
Ser mãe é um presente de Deus.
Um feliz final de semana.
Um abençoado dia das mães.
Beijos e meu eterno carinho.
Evanir..
Tem um presente na postagem do blog
ofereço com muito carinho.

Mari Rossini disse...

Miiiii... Sou casada há quase 6 anos, e no começo foi horrivel... mtas brigas, mtas diferenças... Meu marido não conseguia enteder que ele tinha que mudar, que viver de um jeito diferente pois estava casado.. qria fazer td que sempre fez.
Fazem 2 anos ou pouco mais que passamos a viver de uma maneira mais agradavel, que ele mudou, eu tbm ( pois acho que sempre tem algo que podemos melhorar)e esses ultimos anos de paz estão sendo os melhores da minha vida, e eu tenho certeza de que fiz a escolha certa de tentar e tentar.
Se vc ama seu namorido, e ve uma possibilidade de mudança nele, acho que vale tentar, mas como vc disse essa escolha é SÒ sua, e procura bem dentro do seu coração que a resposta está lá... vo rezar p vc ser feliz independente de qlqr coisa!!! Bjao pra vcs

Lu+Cris=Rafaella! disse...

ô Mi!
dizem q os primeiros 2 anos com bebe em casa, e quando os casais mais se separam..
olha eu acho q vc deve sim voar junto com o pai de seu filho, ou seja, ter sua casa, seu cantinho, mesmo q nao tenha todo o conforto da casa de seus pais, mas è de vcs! E vcs devem sim, ter um canto sò pra vcs. Pela privacidade, por tudo! Independencia.

Eu, sinceramente, nao vejoa hora de ter minha casa, mas no momento nao podemos...mas eu quero sim sair.

Tbm ja pensei em me separar, mas nao custa tentar!

E se der certo e vc perder toda a felicidadeq poderias dar ao teu filho?

E se nao der certo, voltas e pronto, acredito q teus pais irao te receber com o msm amor, q desde sempre tiveram por ti e Diego.

Espero realmente q tudo dê certo.
Mas pense sempre no q pe melhor pro seu filhoe pra vc!

beijos!

Carol Liôa disse...

olha amiga vou te ser sincera, se meus pais morassem proximo eu ja tinha ido para a casa deles! mas como moram longe ñ m,e arrisco a sair daqui e depois querer voltar! a gente passa por fases muito dificeis, é normal, mas sinceramente, ñ axo q so pq vcs vão se mudar q tudo agora sera perfeito e maravilhoso, ele como homem deve provar p vc que quer mudar e ñ vc pense apenas q ele quer fazer isso! bom, se ele te ama tb, peça uma prova, quem sabe vc perceba q realmente vale a pena sair da casa dos seus pais! bjss

Diário da mãe e da filha disse...

Ah amiga, queria te ajudar de coração, porém a relação aqui está difícil. Não poderei te ajudar

Beijos
Lilia

Velu disse...

Olá Miriam! O que eu acho é que devemos lutar sempre por aquilo ou por aqueles que gostamos e que nos fazem sentir bem! Se é o teu companheiro ou os teus Pais tu é que tens de decidir e ver com quem te sentes bem! Não é fácil sair do casulo e voar pelas nossas asas, mas isso também faz parte do nosso crescimento como seres humanos! Neste momento compreendo que deves estar frágil devido a toda esta grande mudança na tua vida, a chegada de um filho muda por completo a nossa vida e só lamento que quem devia estar a teu lado nesta mudança não esteja muito para aí virado! Amiga um comselho: uma boa conversa só os dois, deita as cartas na mesa e propões soluções para os dois, depois verás se ele se quer assumir como homem e pai de família ou quer continuar a ser alguém sem responsabilidades!
Bjs e muita força!

Mamãezinha disse...

Amiga. Calma e fé. Seu coração lhe dirá o melhor caminho. Relacionamentos não são fáceis. É preciso buscar sabedoria e equilíbrio para tomar a melhor decisão. Beijos e tudo de bom.

Patricia Charleaux disse...

Amiga obrigada pela força. Vejo que vc também está com dificuldades, coloque nas mãos de Deus, reze para ele e peça para que ele prepare o melhor para vc. Deus é muito bom, confia nele e ele te mostrará o melhor caminho!!Força amiga!!Bjs

Danielle Cardão disse...

Oi, só te dou um conselho não brigue com seus pais por ele. Se você tem vontade de tentar de novo com ele pra ver se dar certo vai e tenta, mas não brigue com sua familia, pois é ela quem vai te levantar sempre que precisar.

Bjsssssssssssssss, Dani Cardão.

Greyce disse...

Como outras pessoas ja falaram aqui,so vc pode tomar essa decisão pensando no que é melhor para vc e para seu filho. Torço para que sua decisão seja a melhor para os dois =). beijos

Aline Patrícia disse...

Amiga que cituação mais dificil! Li sua historia e li todos os comentários, tem muito ensinamento ai. Leia todos com arinho reflita, e faça o que seu coraçãozinho mandar! Fique bem estou torcendo por vc!
Bjos e fique com Deus!

Natália disse...

OI AMIGA, A VIDA É MSM ASSIM, CHEIA DE ESCOLHAS, A MAIORIA DAS VEZES DIFICIL... NÃO É FACIL SAIR DA CASA DOS PAIS, MAS UMA HORA TEMOS QUE CRESCER NE? OLHA VC É MÃE E SABE O QUE É MELHOR PRA VCS... VAI TOMAR A DECISÃO CERTA!!! BOA SORTE. BJUS

Mamãe do Enzo disse...

Ai guria a mudança tem que vir da pessoa e se ela tem o interesse em mudar...eu tmb passei por algo parecido e minha decisão foi ficar solteira e estou feliz em paz, boa sorte bjs

http://maeefeliz.blogspot.com.br/

*Brenda* disse...

Oi querida..
Sinto muito por toda essa situação...
Como conselho (se é que posso aconselhar rs) é que com certeza você deve fazer o melhor para o Diego, mas lembre-se que vale a pena tentar quando OS DOIS ESTÃO DISPOSTOS! Você tem que andar metade do caminho (o que já fez) e ele tem que andar a outra metade, você não pode completá-la por ele. Lembre-se que se ele não se esforça pra tentar, talvez ele não mereça todo esse esforço.
Talvez o pequeno Diego fique melhor com os pais em casas diferentes e se dando bem, do que no mesmo teto e brigando, né? :/
Bom, só desejo que TUDO se acerte!!!
Que seu namorado reconheça a mãe maravilhosa que você é e curta muuuito você e o Diego!
Sorte no amor pra você!!!
Beijos!!!

Sabrina Akemi Taneguti disse...

oi flor tudo bom?
espero que sim...
sei o que vc ta passando pois tbm passo por uma situação parecida
minha mae nao se da muito com o meu namorado
por isso ele quer casar antes que a nene nasça e quer que eu va morar com ele.. mais tenho tanto medo sabe de sair de casa, e ir depender dele..pois ate que a manu complete seus 6 meses eu nao vou deixar ela com ninguem quero estar presente... ai fico me perguntando o que fazer...
sera que devo ir e depender somente dele mesmo
ou sera que devo ficar em casa ate me estabilizar...??
é uma situação complicada
mais de uma coisa eu sei
so vou mudar se for o melhor pra minha pequena
caso contrario
vai fica como esta
troca a vida certa de uma criança
pra uma duvidosa isso nunca...
um beijo e flor e fica calma vai da tudo certo..
no final tudo se ajeita
e sempre mais sempre mesmo pense em seu filho antes de qualquer coisa.

Anónimo disse...

Jamais se deixe levar pelas idéias do seu namorado e se eu fosse vc não ia com seu namorado, o seu bem-estar e do seu filho próximo de seus pais é o que vale!
Eu sou casada há 9 anos tenho 1 filha de 7 e moro vizinha dos meus pais...sempre que preciso seja em qualquer sentido são meus pais que sempre me ajudam!

Anónimo disse...

http://lilypie.com/ tem barrinhas super giras!!!

Neusinha Feliciano disse...

Oi Miriam... que pena que as coisas estão complicadas para vcs...
Realmente, a fase de novos pais é difícil para todos. Tbm moro com meus pais e meu esposo se irrita com algumas coisas, principalmente quanto à criticas no cuidado de nossa pequena, ou opiniões demais e entendo isso, pq eu tbm me chateio... Mas, sem meus pais eu nada seria tbm... minha mãe faz tudo pra mim, pois a Alícia me toma todo o tempo, dorme muito pouco durante o dia e somos muito gratos por tudo que eles nos ajudam...
Claro que, teu marido pode estar ficando fora bastante tempo por não estar contente na casa e que isso possa ser resolvido com a casa de vcs, mas, se vcs já tem dificuldades anteriores, é difícil ter certeza...
Sei que tudo se ajeitará e que farás o melhor para a felicidade de vcs... Sorte e tenhas fé em Deus, ele sempre ajuda!!!
Bjinhus e tudo de bom..

Chris Ferreira disse...

Oi Miriam,
que situação chata. Mas a vida é assim mesmo. O tempo todo nos testando e exigindo escolhas. Tente ficar calma para pensar em tudo. Tenho certeza que você vai se sair bem, mais uma vez.
Beijos
Chris
http://inventandocomamamae.blogspot.com.br/

aprendendoasermae disse...

Sei que é complicado essa historia de familia.Mais tenho certeza que tudo vai dar certo so siga o seu coração.Um GRANDE BEIJO!

Dri Viaro disse...

Oi querida, parece engraçado mas tb passei por situação parecida no inicio do meu casamento. Primeiro que casei gravida, e durante toda minha gestação morei na casa de meus pais. Depois que minha filha nasceu, meu marido ficou comigo na casa da minha mae por 1 mes, fiquei com medo d que ele se acomodasse e fui procurar um apto. para alugar.Fomos e passamos por poucas e boa com brigas entre nós, meu marido com minha mãe, eu com a mãe dele, enfim, foi um começo extremamente dificil. Hoje quando olho para tras e vejo q ja se passaram 11 anos, percebo que tudo valeu a pena apesar do meu sofrimento. O que quero lhe dizer é que todo inicio de casamento é muito dificil, quando se tem uma casa é dificil, mais ainda quando se divide o teto com outros familiares. Se vou lhe dar algum conselho? não! O que quero te passar é que, mesmo com todo aquele sofrimento, sendo meu e da minha mãe, pq eu sei que ela se magoou muito tb, era a minha vida. E eu tinha certeza de que meu marido valia a pena para que eu fosse com ele sempre. Não vou dizer que virei as costas para minha mãe naquela época, longe de mim! Mas fui viver a minha vida e formar a minha família!! Eu não conheço seu marido e só vc pode saber se vale a pena ir com ele, e se achar que vale, faça-o! Converse com ele, converse com seus familiares, mas pensa em vc e no seu filho, o que é melhor para vocês, você está disposta a tentar, mesmo que sofra por algum tempo? Posso dizer de minha parte, que estou muito feliz com minha familia, e hoje em dia minha mãe e meu marido são super apegados, ela o trata como filho e ele adora!

espero que de tudo certo, e se quiser falar comigo, pode me enviar email tá, estou contigo amiga!!


beijos

Gleysa Lopes disse...

Que situação hein amiga!!
Mas assim se vc o ama vale a pena correr o risco, tem que viver para ver se vai dar certo!!
Uma coisa que aprendi e que as pessoas não mudam, e logico elas amadurecem, mas a essencia nao muda, por exemplo, se uma pessoa é grossa ela sempre será, e vc tem que aprender a conviver com isso, já que a ama, mas se vc não suporta esse defeito é melhor mudar de pessoa!!

Não sei se te ajudei, mas pense com carinho e com amor, ante de tomar qualquer atitude!!

Fique com Deus!!

jo nascimento disse...

Oi, Miriam, desculpa por palpitar em um assunto tão intimo seu, mas passei por uma situação semelhante:
Casei e continuei morando na casa dos meus pais, achava que tinha uma vida boa, pra mim estava muito confortavel, até que um dia marido chegou e disse que mudaria de cidade e se eu quisesse continuar casada teria que acompanhá-lo. Foi uma decisão dificil, doida, chorada, senti medo, tristeza, panico, mas decidi pela minha familia e depois de 1 mês me mudei.
Hoje já faz tres anos e acredito que foi a melhor coisa que aconteceu, o Gui (marido) melhorou muito como marido e pai, eu tambem amadureci muito, e ao contrario do que pensei a Duda se adaptou super rapido, é logico que senti e sinto até hoje muuuita falta da minha mae e meu pai por perto, mas acredito que tinha que ser assim, hoje costumo dizer que meu casamento começou de verdade a partir do momento que sai da casa de meus pais.
Essa é minha historia, espero que possa te ajudar a tomar uma decisão, seja ela qual for pense bem pois vai mudar toda sua vida e a do Diego tambem.
beijinhos

Iolanda Lopes - Verdades e Carinho de Mãe disse...

Siga seu coração.
Eu sempre penso que não podemos prever o futuro, não dá pra saber se vai dar certo ou não.
A vida é um risco, mas em todas as situações aprendemos algo, vivemos.
Na pior das hipóteses viverá uma história que teve um fim. E sobreviverá, mais forte e certa do que deseja porque experimentou as opções.
bju

Lu do Deninho disse...

Amiga tenta, vai com seu namorido, vale a pena tentar sim, em nome de sua familia, do Diego !

bjuss

wanessinha disse...

oi que saudade tudo bem..to meio desanimada com meu blog de tentante...ja faz um tempinho que não posto mai nada...
resolvi ficar uns tempos sem mexer...e quando voltar a postar espero voltar com novidades....
mais sempre to aqui de olho seu cantinho...não comento mais to sempre por dentro das novidades......
so resolvi..passa e deixar um oi e muito beijinhos hj e dizer que gosto muito de todas vcs.....xauzinho bjss

Francisca disse...

Miriam, é uma decisão difícil e esta cabe somente a você. Então o conselho que posso te dar é: pense, reflita e siga o seu coração, pois a resposta está dentro de você.
Beijos e torcendo para que tudo se resolva bem.

Francisca

Nathércia Sena disse...

ouw flor, que situação chata! A opinião que posso lhe dar é: converse com Deus e peça a Ele que mostre o caminho e guie os seus passos! Orando por vc! Beijos.

Mamã Petra disse...

Miriam como estás??
Beijinhos

Edi - Pronta Para Ser Mãe disse...

Nossa Miriam que situação difícil e com o Diego ainda tão novinho né.
Desejo que Deus ilumine seus pensamentos te guie na direção certa, e que consiga tomar a melhor decisão.Na Torcida para que tudo corra bem viu.

Bjus

Cristiane disse...

Olha querida que chato né... Mas eu creio que esteja no momento de vc voar, isto, tente... Agente amadurece muito quando sozinho. Mas se for, aprende que pra pai e mãe agente não fala mal do marido, porque nossos pais tem um lado: Nós!!!!Então Deus lhe aconselhe... Cris

Samia Lopes ✿ disse...

Flor, só Deus pode entender oq se passa em teu coração... mas quer uma opinião sincera? Não acredite que alguém pode mudar só pq vc deseja, mesmo sendo pra melhor. As pessoas mudam qndo querem de VERDADE. No íntimo delas. Se ele até agora não mudou seu comportamento, acho bom não colocar tanta expectativa nisso. Nossos pais são oq há de mais precioso, e veja bem, vc ama o pai de seu filho, mas tem retorno igual? Vc ama seus pais e tem retorno igual? Acredito que sim. Seu filho é muito novo, acredito que o melhor ambiente para seu crescimento seria um bem familiar e saudável. Vc sofre, teu filho sofre tbm, acredite e pense bem nisso. Escolhas estão aí para serem feita sempre em nossas vidas, por isso pense bem no caminho que escolherá. E acima de tudo, confia em Deus! Boa sorte, flor!

beijinhos e bom fim de semana!
Blog A Mais Doce Espera

Susana disse...

Olá Miriam, espero que esta tua ausência seja por tudo estar correndo pelo melhor.
Beijinho ;o)

Enviar um comentário

 

Mamãe do Diego Template by Ipietoon Blogger Template | Gift Idea